Feedback: Como ter uma experiência positiva?

Considerar o feedback  importante é quase uma unanimidade, mas aplicar ele no dia a dia ainda é uma grande dificuldade

Relacionamento Humano

11/08/2015
 

Quando se fala em comunicação interpessoal o feedback é um conceito consagrado, é claro que é importante para a motivação e eficiência de uma pessoa que ela receba informações sobre o seu desempenho e atuação. O que não é tão simples assim é saber como fazer isso, porque na prática essa poderosa ferramenta infelizmente ainda é encarada como bronca e puxão de orelha.

É comum este retorno ser visto como o anuncio de que você tá pela “bola oito” e que da próxima vez não vai ter aviso. Isso acontece porque muitos líderes e gestores deixam pequenos vícios e erros serem repetidos continuamente, para só quando a situação se tornar insustentável conversar com o colaborador.

Abordagens equivocadas e a ausência é que fazem a mensagem se transformar em um monstro. O que deve ser visto como uma oportunidade de mudar para melhor e recebido como uma atitude positiva por parte do líder, pode deixar todos desconfortáveis. Além do que, muitas vezes nós aprendemos a esconder os erros, como aborda esse texto sobre não conformidades.

Para entender qual é a melhor forma de dar o feedback,  nós conversamos com o especialista em gestão de pessoas do Grupo Conjel, Alessandro Molleri, que explica a técnica de maneira simples:

técnica do feedback

foto: flickr.com/dskley


Não se fala da pessoa, o foco é o comportamento


Isso é fundamental para atingir o objetivo do feedback. Evite começar com frases como: “o que você fez” ou “a sua atitude”, entre outras afirmações que indicam que o problema é da pessoa e não do comportamento. Se você rotula a pessoa, já começa perdendo, acredita o especialista.

 

Trate por “este comportamento”, vincule a pessoa quando for positivo


Somente no momento do feedback positivo a pessoa deve ser mencionada.  É o elogio de quando o colaborador tem o comportamento esperado, o momento de celebrar a meta alcançada. É a hora de parabenizar coletivamente e dar o reconhecimento sincero pelo comportamento esperado.

 

Explique porque o comportamento é correto ou não


Justo, não? A pessoa tem que entender os motivos que fazem esse comportamento não estar de acordo com a empresa. Por isso é necessário discorrer sobre os efeitos negativos do mesmo.

 

Apresente qual seria o comportamento adequado


Comportamentos podem ser modificados e ajustados para conquista da evolução profissional. Então, o que deve ser feito para chegar até meta? Como se adota o comportamento adequado? É importante dar esse retorno.

 

 Estabeleça um compromisso.


Ao final da conversa deve ser firmado um compromisso. Isto validará as atitudes que devem ser adotadas daquele momento em diante.
Compartilhe:

Deixe seu comentário

Loading Facebook Comments ...
Redes Sociais
Newsletter

Cadastre-se na nossa newsletter e fique por dentro das novidades do Grupo Conjel.

Contato

(47) 3261-4880

contato@grupoconjel.com.br

Rua 990 nº161, Centro
Balneário Camboriú - SC